quinta-feira, 7 de junho de 2018

Sou como um papagaio!

Já falei várias vezes do atraso na fala do Vasco. 

Nos últimos tempos tenho notado uma evolução ENORME! Basicamente já diz tudo, a questão é que diz à sua maneira... 

E como mãe é mãe, ninguém o percebe como eu... Nem mesmo o Pai. 
Como tal dou por mim a repetir toda e cada palavra que ele diz. 
Não só para o "corrigir" e incentivar a fazer um esforço para dizer correctamente como para quem tiver presente, perceba igualmente o que ele quer. 

Estamos no parque e ele diz: "Ói, Uão..." = Olha, o avião! - e lá estou eu a repetir

Vamos na rua e cruzamos-nos com alguém que decide meter conversa: 
- "Olá, como é que te chamas? "
- "Ouá, Paco" - e lá está a mãe a repetir - "Vasco!"
- Olá Vasco, e vais passear com a mãe?
- "Ti, txu!" - e a mãe repete: "Sim, vamos comprar um chupa!"

Isto acontece em n situações. Até mesmo em casa: 
 - "Pai, cácá"
- Queres o quê?
E lá está a mãe a repetir: "Brincar"

- "Pai, iaich, tauro" - e a mãe repete: "Bolacha do dinossauro"

Ou seja, pouco a pouco vamos evoluindo. Ele diz tudo mas ainda em pequenas silabas e muito à maneira dele. 
Sendo que eu vou ficando a servir de papagaio a repetir tudo o que ele diz. 




Sem comentários:

Enviar um comentário